Especialistas no mercado de investimentos em imóveis
rurais e negócios imobiliários
e empreendimentos.

 

Investimento em Imóveis através de compras realizadas em Leilões Judiciais e Bancários. 

Leilão 3.png
Leilão 4.png

Adquirir imóveis em leilões judiciais é um bom investimento.

É perceptível em épocas de crise, que o número de imóveis ofertados em leilões cresce na mesma medida do nível de endividamento das pessoas, principalmente pela retomada dos Bancos financiadores pelo não pagamento em época de pandemia.

Os imóveis leiloados, na maioria das vezes, requerem cuidados com documentos, estado do imóvel e sua retomada pelo novo proprietário, mas normalmente isso resulta em um lucro líquido superior a 20% no capital investido em um curto espaço de tempo.

Arrematação em leilão judicial para compra de imóvel com o preço abaixo do mercado tem sido cada dia mais procurada por investidores, pela excelente rentabilidade como investimento. O preço mínimo estabelecido no leilão pode ser de 40% a 60% abaixo do valor avaliado. Normalmente pode resultar em um lucro líquido de 20% a 30%, descontadas as despesas, sobre capital investido em um curto espaço de tempo.

Graças às inovações tecnológicas, os interessados podem participar dos leilões de imóveis pela internet, uma vez que vários são realizados virtualmente, mas e prudente e necessário o acompanhamento por um Consultor Imobiliário e por um advogado, para análise da situação processual do imóvel e legalidade do leilão, evitando prejuízos decorrentes de eventual demora processual, ou da anulação do leilão por vícios.

A simplicidade do procedimento para a arrematação em leilões de imóveis não significa ausência de riscos ou rentabilidade astronômica. Mesmo com os trâmites legais e o prazo para conclusão do registro e desocupação do imóvel a arrematação em leilão é investimento relativamente seguro e mais rentável que outras aplicações, principalmente em relação a produtos bancários ou pré-fixados.

 

Somos especialistas no mercado de negociação de fazendas.

Fazenda de Café 3.jpg
Fazenda de milho 3.jpg
Fazenda de gado 3.jpg

O agronegócio brasileiro tem sido a roda motriz da economia.  Em 2018, representou 21% de todo o PIB (Produto Interno Bruto) do país. De toda a população economicamente ativa do país, 13% dos trabalhadores estão no agronegócio.

A busca por qualidade, produção de alimentos e sustentabilidade vem sendo o assunto mais discutido na sociedade atual.

O Brasil tem posição de destaque nisso, tanto pela diversificação quanto pela quantidade de alimentos produzidos, mas temos muito a caminhar ainda.

 

O Brasil esta entre os maiores fornecedores na produção global de alimentos. Uma prova do dinamismo da agricultura brasileira está nos bons resultados do agronegócio em 2020, quando sinaliza ultrapassar os U$$ 100 bilhões em exportações, montante cinco vezes maior do que o registrado no início deste século (ano 2000)

 

Documento da FAO aponta que a agricultura mundial terá de ampliar em 80% a produção de alimentos até 2050, para atender as necessidades de uma população projetada para 9,7 bilhões de pessoas. A FAO prevê, também, que o Brasil deverá responder por metade desse montante.

O maior exportador de grãos em 2020 foram os Estados Unidos, com 138 milhões de toneladas. O Brasil está em segundo lugar, com 122 milhões de toneladas. Nos próximos cinco anos, o Brasil deverá superar os Estados Unidos em exportação. Com base nesse histórico e com os elevados preços internacionais dos produtos, a produção do Brasil deverá atingir 3% de crescimento mundial.

Até 2050 a produção brasileira de grãos poderá superar os 500 milhões de toneladas, sendo ainda mais importante para a segurança alimentar do mundo.

O Agronegócio no Brasil se apresenta como um grande celeiro de oportunidades para investimentos por estrangeiros na aquisição de terras para produção agrícola ou pecuária.

 

Investimento em Imóveis comerciais e galpões industriais para locação.

comercial 1.jpg
comercial 3.jpg
comercial 7.jpg
Comercial 8.jpeg

O investimento imobiliário é um dos mais tradicionais tipos de aplicação financeira. Pesquisas apontam que os maiores estímulos acerca da aplicação são a procura por estabilidade e segurança, além da intenção de impedir quaisquer possibilidades de perdas financeiras.

 

No entanto, se você está pensando em investir na compra de um imóvel para capitalizar com a locação, é importante considerar alguns pontos para que o lucro seja certo.

É necessário analisar, sobretudo, onde o imóvel está localizado, a fim de ter liquidez para eventual locação mais rápida. Ou seja, a localização do imóvel é um fator que influencia diretamente no tempo de retorno do investimento. Imóveis bem situados, próximos a comércios, bancos, supermercados, praias e afins tendem a ser mais procurados e, consequentemente, mais valorizados.

 

Além disso, muitas vezes os proprietários preferem investir em imóveis com metragem média para baixa a fim de abraçarem maior quantidade de bens com maior propensão para a procura de eventuais interessados na locação. E ainda, bens cujo condomínio é mais barato e com vaga de garagem apresentam mais liquidez na procura pela locação”, completa a especialista. É preciso avaliar todas as características do imóvel e compará-las não só às necessidades e expectativas, mas também ao poder aquisitivo do público que busca locação em determinada região, diminuindo as chances de o imóvel ficar vago por muito tempo.

 

Imóveis localizados em praias, montanhas ou locais turísticos também são uma opção para locações por temporadas ou época de férias ou feriados prolongados.

Galpões para instalação comercial ou indústrias, também são excelentes oportunidades de se ter um rendimento garantido por um longo tempo.

A formação de uma boa carteira de imóveis podem garantir rendimentos por muitos anos, sendo uma aposentadoria até o final da vida do investidor.

 

Investimento em Imóveis com negócio - Hotel, Motel, Hotel Fazenda, Thermas, Parques Aquáticos, Hostels e Pousadas

Ubata.jpg
Thermas.jpg
Moteis.jpg
hoteis.jpg
Ubata.png
hotel-fazenda-harmonia.jpg

Com o advento da Pandemia, diversas empresas que trabalham no setor imobiliário hoteleiro, passaram por grandes dificuldades dado a baixa ocupação no período, por vezes gerando enorme prejuízos.
 

Assim também ocorreu com empresas que trabalham com diversões, resorts, hotéis fazenda ecológicos que tiveram seus faturamentos muito reduzidos.
 

Tudo isso irá passar e são excelentes investimentos que estão no atual momento passando por dificuldades e as vendas de seus ativos imobiliários e uma solução para reequilibrar o fluxo de caixa.
 

Existe no Brasil, excelentes oportunidades de compra de hotéis, thermas aquáticas, motéis, pousadas, hostels dentre outros cujo retorno de investimento e garantido no médio e longo prazo.
 

Também são um excelente investimento os apartamentos existentes em condomínio cujo a administração fica sob uma empresa especializada para sua locação garantindo uma excelente renda mensal pela locação das unidades individuais do hotel.

Negociar um empreendimento hoteleiro não se resume à comercialização apenas do imóvel, mas sim da compra e venda de um negócio lucrativo, com características específicas, tanto para o empresário que está vendendo, como para o investidor que entra em um mercado de grande expansão, cheio de peculiaridades, tendências e novos horizontes. Por isso a importância em ter consultores e especialistas sempre com você. Nesse cenário é que surgiu a Compra e Venda de Hotéis.

Orientamos o investidor para o melhor negócio dentro do seu perfil, com acompanhamento de todo o processo na busca do imóvel. Ampla atuação na área de consultoria imobiliária, estando atento às necessidades do cliente/vendedor visando atender suas expectativas de negócio.

Temos como objetivo orientar os seus clientes na busca de oportunidades de negócios, fazendo o intercâmbio entre os investidores e os proprietários de imóveis do segmento hoteleiro, por meio de uma gestão transparente e comprometida com o melhor resultado para ambos.